QUEM FAZ O COMER HISTÓRIA

a888cb49-eb81-4d15-8d0e-4a2a46ab1365.jpg
QUEM SOMOS
O 'Comer História'

Contar as histórias que as receitas carregam e explicar História através dos gostos, dos cheiros, dos ingredientes e de todo um universo que rodeia as práticas alimentares: é esse o motor do 'Comer História', um projeto levado adiante por três historiadores que adoram pesquisar, cozinhar... e comer!

Rafael Afonso Gonçalves

Historiador, com doutorado pela Universidade Estadual Paulista (UNESP), atualmente desenvolve pesquisa de pós-doutoramento na Universidade de São Paulo (USP) e um gosto especial por câmeras e microfones. Especialista em História medieval, especialmente em temas relacionados às viagens ao Oriente, à representação da natureza e dos animais, publicou, além de vários artigos científicos, os livros 'Cristãos nas terras do Cã'. As viagens dos frades mendicantes nos séculos XIII e XIV' e 'Animais e homens de um Oriente distante (séculos XII-XIV)''. Além de ser um expert em comer comida boa (e com técnicas aprimoradas para lavar a louça!), também trabalha com edição de documentos históricos, sobretudo de relatos de viagens.

  • Preto Ícone RSS
  • Instagram
IMG_20180726_123955327.jpg
IMG_20211124_163616_230.jpg

Ana Carolina Viotti

Historiadora, com doutorado pela Universidade Estadual Paulista (UNESP) e com pós-doutorado pela Fundação Oswaldo Cruz (FIOCRUZ), tem muita vontade de fazer pessoas se interessarem e saborearem a História. É autora de diversos artigos e livros que se dedicam, principalmente, ao Brasil colonial, entre os quais 'As práticas e os saberes médicos no Brasil colonial (1677-1808)' e 'Pano, pau, pão. Escravos no Brasil colônia', que recebeu o terceiro lugar na categoria Ciências Sociais do prêmio ABEU/2020 ! Atua desde 2011 como historiógrafa do Centro de Documentação e Apoio à Pesquisa Histórica (CEDAPH), da UNESP/Franca, e ainda tem tempo para achar e testar as melhores receitas da História! 

  • Preto Ícone RSS
  • Instagram

Gabriel Ferreira Gurian

Historiador, mestre pela Universidade Estadual Paulista (UNESP), atualmente desenvolve pesquisa de doutorado nessa mesma instituição. Alimenta um gosto especial pelos instrumentos de corda e tem sempre um livro ou um podcast recheados de história pra indicar. Olhando sempre para a História Moderna, trabalhou o consumo de bebidas no Brasil holandês e, desse interesse pelo contato entre flamengos e portugueses, expandiu suas pesquisas para o continente africano. Nas suas publicações encontramos as bebidas alcóolicas, as frutas do Brasil e a medicina, como a gente vê em Bebidas e bebedores no Brasil Holandês, 1624-1654. Arrisca de tudo na cozinha, faz um som, segue com seu doutoramento e ainda maneja o áudio dos nossos podcasts!

  • Preto Ícone RSS
  • Instagram